quarta-feira, 25 de junho de 2008

Planeta TERRA

“PRESERVAR O PLANETA É DAR UM FUTURO A SEUS NETOS E BUSCAR A IGUALDADE PLANETÁRIA”.
De fora admiro seu esplendor, destacando-se dentre outras terras, este céu que abaixo de meus pés se torna um chão azul anil chora por sofrer o descaso do abandono e da degradação que tem constantemente crescido e atingido o coração do homem e o pulmão do mundo que enegrece de tanto aspirar morte, violência e principalmente a solidão individual que cada ser humano tem aderido para sua vida, tornando do mundo o quintal de sua casa onde tudo pode e tudo se é permitido, levando-nos a viver em 6 bilhões de terras diferentes dentro de nosso humilde planeta.

quinta-feira, 19 de junho de 2008

Espinhos que transpassam, magoando alguém...

"Ao pegar uma rosa, não percebo seus espinhos e sou traiçoeiramente espetado, ao soltar a flor que cai como uma pluma no chão de concreto, abro minha mão e vejo sangue, tanto quanto fosse amputada por algo afiado. Poderia esmagá-la com meus pés, dissipando assim, a dor e o ódio que ela me fizeste sentir. No entanto pego novamente a rosa com mais cuidado e reparo sua magnitude e beleza que se utiliza de seus espinhos para se proteger e mostrar o quão ela pode ser perigosa, escondendo para si e em si uma formosura incomparável e um aroma inebriante".